Saturday, September 21, 2013

Aprendendo a aprender fora da sala de aula: Visita ao CCBEU Belém

Passar muitas horas sentado no mesmo lugar durante muito tempo pode ser entediante. Imagine só passar anos tentando aprender algo apenas frequentando salas de aula com carteiras não muito confortáveis, luz artificial e paredes sem nada?

Pensando nisso e aprendendo que a aprendizagem pode acontecer em todos os lugares, resolvi levar meus alunos calouros de Letras - Inglês para conhecer o Centro Cultural Brasil-Estados Unidos em Belém. Escolhi o CCBEU porque lá não é apenas uma escola de inglês, é um centro cultural com galeria de artes, biblioteca e cine-teatro com muitos eventos abertos à comunidade.

Meus alunos concordaram em passar umas horas lá e trocamos a nossa sala de aula pela visita ao centro cultural.


Começamos visitando a Galeria Edgar Contente, que mesmo sem exposição, pudemos aprender com a Simei Bacelar que há muitas ideias que podem ser desenvolvidas em uma galeria de artes. Podemos aprender e praticar uma língua estrangeira apreciando várias obras de arte e ajudar a despertar a sensibilidade artística nos nossos alunos. Além disso, podemos desenvolver várias discussões ricas após a visita a uma exposição. Basta usar a criatividade.

                                      

Após esse momento, visitamos a Coordenação acadêmica e a sala dos professores. Nos dois lugares ouvimos e aprendemos através das experiências profissionais das coordenadoras Márcia Alves, Roberta Pinho e da professora Marina Paula Rolim, que também é aluna de Letras da UFPA. Acho que esses momentos foram muito importantes porque os alunos puderam aprender que, se eles desejarem, podem trabalhar lá um dia também.



Depois do relato delas, ouvimos o relato do gerente pedagógico Anderson Maia, que foi aluno da UFPA também. Ele nos agraciou com muitas sugestões muito boas acerca da carreira acadêmica e profissional. Acredito que meus alunos gostaram muito de aprender sobre as associações de professores de inglês: TESOL, Braz-TESOL e Braz-TESOL Belém.



Terminamos a nossa visita na biblioteca George T. Colman. Lá, a bibliotecária Rosilene Oliveira com o auxilio da Ivete Alves nos falaram e mostraram o rico acervo. Aprendemos que essa biblioteca é pública e todos os alunos se associaram para que pudessem emprestar materiais diversos.



Tivemos o prazer de receber de presente o número mais novo da revista FORUM voltada para professores de inglês do Anderson Maia.


Também tivemos a oportunidade de ouvir um excelente conselho de um usuário da biblioteca. O francês Frederico frequenta a biblioteca todos os dias e nos aconselhou a ler muito! Ele nos disse que fala muitas línguas e que a leitura é uma excelente atividade.

Após ouvir o Frederico, mostrei meus livros e revistas favoritas. Contei pedaços de livros que eu já li para que os alunos ficassem curiosos e lessem também. :-) Também mostrei para eles livros que eu sabia que eram de interesse deles como o Catching Fire (vários alunos relataram que gostavam da série Hunger Games).

Os alunos manusearam diversos materiais com muito entusiamo! Eles até cheiravam os livros (coisa que eu faço também)!













O fim da nossa visita foi marcado com um sorteio de livros em inglês!


Eu fiquei muito feliz e entusiasmada ao ver meus alunos radiantes descobrindo livros, revistas, DVDs e outros materiais em português e inglês. E para compartilhar o que aprendemos, pedi para que cada aluno postasse algo que aprendeu em inglês no grupo da turma no Facebook.

Acho que o dia foi rico com muita aprendizagem com as experiências e com os materiais da biblioteca. Acredito que meus alunos gostaram também.

                                              
Aproveito para agradecer todo o carinho e atenção da Rosilene Oliveira, Simei Bacelar, Anderson Maia, Márcia Alves, Roberta Pinho, Marina Paula Rolim, Bruna Campos e Ivete Alves.

Você também proporciona aprendizagem fora da sala de aula também?

Até breve!

3 comments:

Rosilene said...

Nossa, que relato emocionante. Quando um educador está disposto e realmente comprometido com seus alunos, ele consegue ótimos resultados. Parabéns pela iniciativa e criatividade.

Maria Bossa said...

Your blog is always inspiring my dear Cintia!! Smiles, Maria :)

Anderson Maia said...

Que iniciativa admirável! Parabéns, Cintia! Tenho certeza de que as sementes que foram plantadas nestes alunos irão gerar grandes frutos acadêmicos e profissionais. E eles devem muito a você. Obrigado pelo trabalho!